Kurt Vonnegut - Slaughterhouse-Five (Matadouro 5)

Kurt Vonnegut - Slaughterhouse-Five (Matadouro 5) - 224 páginas - Random House Publishing Group - Lançamento original 1969.

Um livro essencial para a literatura contemporânea norte-americana e que influenciou muitos autores, Matadouro 5 é um exemplo do estilo único de Kurt Vonnegut (1922 - 2007) que mistura humor negro, sátira social e ficção científica para criticar o absurdo da guerra e da trajetória humana. Neste caso, o bombardeio de Dresden em 1945, onde mais de 130.000 civis alemães morreram em um ataque dos aliados contra uma cidade sem qualquer objetivo militar. O texto tem como base as experiências do próprio Vonnegut que lutou na Segunda Guerra Mundial e sobreviveu ao bombardeio, como prisioneiro de guerra, escondendo-se nas instalações de um matadouro subterrâneo.

O protagonista, Billy Pilgrim, um americano um tanto o quanto idiotizado, assim como todos os outros personagens, descobre a sua habilidade de viajar pelo tempo durante a guerra e narra várias fases de sua vida no passado e futuro, inclusive a sua estadia no planeta Tralfamadore, onde é levado para ser exposto em uma espécie de zoológico pelos seres alienígenas. Parece incrível que Kurt Vonnegut consiga, neste roteiro fantasioso "trash", criar um romance que, carregado de ironia, não possa ser enquadrado em outra categoria que não seja a mais verdadeira e honesta literatura. Como bem definiu a crítica da revista Life: "um livro engraçado do qual não é permitido rir, um livro triste sem lágrimas.".
4 comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Monólogo de Molly Bloom em Ulysses, "sim eu disse sim eu quero Sim"

20 personagens femininas da literatura mundial

Ian McEwan - Enclausurado

20 problemas que somente os apaixonados por livros podem entender

As 20 melhores distopias da literatura

Amós Oz e David Grossman avançam para a shortlist do Man Booker International Prize 2017