Que grandes pessoas são os cães

Ao meu cão - Vicente Alexandre
"Que grandes pessoas são os cães!"
Anton Pavlóvitch Tchekhov (1860-1904)

Ao meu cão
(Vicente Aleixandre - Retratos con nombre 1958-1965)

Oh, sim, sei-o, bom "Sírio" quando me fitas com teus grandes olhos fundos.
Desço aonde estás, ou subo aonde estás
e em teu reino misturo-me contigo, bom "Sírio", meu bom cão, e salvo-me contigo.
Aqui em teu reino de serenidade e silêncio, onde a voz humana nunca se ouve,
converso no escurecer e entro profundamente em teu meio-dia.
Conduziste-me à tua morada, onde existe o tempo que nunca declina.
Um presente contínuo preside ao nosso diálogo, em que o falar é o teu somente.
Calo-me e contemplo-te silencioso, e levanto-me e olho-te. Oh quão profundos olhos conhecedores.
Mas não posso dizer-te nada, embora me compreendas... Oh, escuto-te.
Ali ouço o teu rude dizer e saber desde o próprio centro infinito do teu presente.
Tuas longas orelhas suavíssimas, teu corpo de soberania e força,
tua rude pata peluda que toca a matéria do mundo,
o arco de tua aparição e esses fundos olhos sossegados
onde a Criação jamais irrompeu como surpresa.
Ali, em tua gruta, em teu averno onde tudo é zénite, entendi-te, embora não pudesse falar-te
Tudo era festa em meu coração, que saltava à tua volta, enquanto eras o teu olhar a entender-me.
Do meu suceder e extinguir-me vejo-te, um instante parado à tua beira,
pretendo permanecer e reconhecer-me.
Mas passei, decorri e tu persistes.
Habitado em tua luz, imóvel em tua segurança, não pudeste mais que entender-me.
E saí de tua gruta e desci ao meu alvéolo viajante, e, ao voltar a cabeça no horizonte
vi, não sei, algo como uns olhos misericordiosos.

Tradução de José Bento na Antologia de Vicente Aleixandre, Editorial Inova / Porto - dezembro de 1977.
Ilustração de Ian Rees
Ilustração de Ian Rees
2 comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

20 frases que mostram como o xadrez não é um jogo

As 20 melhores distopias da literatura

Paul Auster avança para a shortlist do Man Booker Prize 2017

As 20 obras mais importantes da literatura brasileira

As 20 capas de discos que marcaram época

Sheyla Smanioto - Desesterro